segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Matemática na Educação Infantil


Existem muitas formas de conceber e trabalhar com a matemática na Educação Infantil. A matemática está presente na arte, na música, em histórias, na forma como a criança organiza o seu pensamento, nas brincadeiras e jogos infantis. Uma criança aprende muito de matemática, sem que o adulto precise ensiná-la. Dentre os conceitos elencados estão, organização, os conceitos sobre coisas iguais e diferentes, classificação e criação de conjuntos, relações entre os números e o que eles representam, o tamanho das coisas, brincadeiras com as formas geométricas, ocupando um espaço e assim vivendo e descobrindo a matemática. Através de atividades concretas e significativas, coletivamente e individualmente. Acredita-se que a criança constrói suas bases matemáticas pela necessidade de resolução de problemas de seu tempo, impostos pela complexidade de situações da sociedade [...] parte de um sentido de número para uma construção abstrata deste, sendo uma construção onde o fator tempo ocupa lugar relevante. (MACIEL & BENEDETTI, 1992, pag.33 a 39). Os números representam muito mais do que uma forma de se medir ou quantificar o que existe ao nosso redor, assim, une o conceito quantificador do abstrato á sua respectiva correspondência no concreto.


Professora Leoni S. de Deus 





Reunião de professoras do CEI Menino Jesus no dia 25/11/2015



quarta-feira, 18 de novembro de 2015

O BRINCAR


Para Cunha (1994), o brincar é uma característica primordial na vida das crianças, porque é bom, é gostoso e dá felicidade Além disso, ser feliz e estar mais pré- disposto a ser bondoso, a amar o próximo e a partilhar fraternalmente.

Na última sexta-feira no lugar do brinquedo foi o dia de brincar com caixas de papelão.
Aproveitei a oportunidade e fiz a integração com uma animada história “Não é uma caixa”, através da historia e da brincadeira as crianças entraram no mundinho delicioso do faz de conta.

Profª Rosa C.E.I Cinderela






EDITAL DE SUPLEMENTAÇÃO E AMPLIAÇÃO





EDITAL DE REMOÇÃO















terça-feira, 17 de novembro de 2015

DINHEIRO BRASILEIRO


         Trabalhando com o dinheiro e buscando atingir os objetivos de aprendizagem previstos nos direitos de aprendizagem: resolver problemas que envolvam valores do dinheiro; reconhecer cédulas e moedas que circulam no Brasil e de possíveis trocas entre cédulas e moedas em função de seus valores, os alunos do 2º ano do CEB Eginolf Bell foram desafiados a dramatizar o problema da nota falsa, e encontrar sua solução, realizaram atividades de trocas com cédulas precisando adquirir produtos de um determinado valor usando diferentes maneiras de combinar as cédulas para ter o valor desejado, e também em grupos realizaram o jogo: trilha do dinheiro.
E você consegue resolver este problema? 
Uma pessoa foi a uma lanchonete e comprou um suco de laranja por R$ 2,00. Deu uma nota de R$ 10,00 para pagar. Como a dona da lanchonete não tinha troco, foi à padaria e trocou a nota de R$ 10,00 por 5 notas de R$ 2,00. Deu R$ 8,00 de troco a quem comprou o suco e ficou com uma nota de R$ 2,00. Posteriormente, a dona da padaria foi à lanchonete mostrar que a nota de R$10,00 era falsa. A dona da lanchonete  deu uma nota de R$ 10,00 verdadeira para a dona da padaria, ficando com a que não valia nada.
A dona da lanchonete perdeu um suco de R$ 2,00?
Deu R$ 8,00 de troco?
Ficou com uma nota falsa de R$ 10,00?
Houve prejuízo?
 De quanto?
 De quem?

Professora Neide Schweder





segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Sólidos Geométricos

Os alunos do 2º ano do C.E.B. Arthur Bruno Jandt aprenderam sobre sólidos geométricos cubo, pirâmide, cone, paralelepípedos, cilindro, esfera e círculo, assim: manipulando, conhecendo e identificando os objetos que representam estas formas.


                                                                                                    Professora Carla R.H.Tholl





sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Momento de integração


Os alunos dos 3º anos do CEB Arthur Bruno Jandt, Eginolf Bell e Alberto Balduíno Barchfeld se encontraram na manhã do dia 04 de novembro para vivenciaram um momento de integração, amizade e conhecimento. Onde os alunos da escola Arthur Bruno Jandt, turma da professora Luciane Gambeta Passig, apresentaram um teatro de autoria da Senhora Marlize Schweder que conta uma parte da história dos imigrantes trombudenses.
Logo após a apresentação os alunos cantaram o hino de Trombudo Central e tiveram a oportunidade de trocar conhecimento sobre o que aprenderam da história do município.
Em seguida, enquanto esperavam o transporte, puderam realizar brincadeiras de integração.

Professora Luciane G. Passig





quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Investigando o ar

O 3° ano do C.E.B. Eginolf Bell iniciou recentemente uma sequência didática cujo assunto é o ar.
Além de realizarmos leituras, discussões e atividades, realizamos também uma série de experiências.
Na 1° delas, enchemos um balão com ar, medimos o mesmo e o deixamos no congelador da geladeira por 4 horas. Ao final desse período, o balão havia diminuído o seu tamanho, assim sendo, percebemos que o ar não tem forma própria e sim, o formato do recipiente que ele ocupa e que o ar se compacta em contato com o frio e se expande quando entra em contato com o calor.
Em um novo momento, acendemos em sala uma vela, em seguida cobrimos a mesma com um copo. Após alguns segundos  vela se apagou, comprovando que o ar é necessário para a queima.
Por fim, construímos um “macaco de ar”, utilizando-nos de uma mangueira e uma sacola plástica. O que nos possibilitou perceber que ar ocupa espaço e possui massa.

Professora: Aline Liana Jabs.





REUNIÃO PEDAGÓGICA 10/11/2015

As professoras do CEB Eginolf Bell realizaram uma reunião pedagógica em 10/11/2015. Como assuntos de pauta:
  1. Feira JEPP;
  2. Rematrícula, matrícula e organização de turmas para 2016;
  3. Estudo PCN e encaminhamentos necessários;
Gestora Giane D. Schweder 



terça-feira, 10 de novembro de 2015

Jogo da memória das letras


A turma do 1°ano do C.E.B.Eginolf Bell, confeccionou e jogou na última semana, o jogo da memória das letras e produziu um instrucional para o mesmo.
O jogo, semelhante ao tradicional era composto por 52 peças, sendo o alfabeto maiúsculo e o minúsculo, cada aluno com sua respectiva dupla, precisava virar duas cartas, ficava com as mesmas o jogador que encontrasse a letra escrita das duas formas.
O jogo teve como objetivo parear letras maiúsculas e minúsculas e compreender a possibilidade de uso das mesmas, além de perceber a função social da escrita e leitura.
Tendo sido concluído o jogo, intensificamos o uso da letra minúscula que já fazia parte de nosso cotidiano.

Professora:Aline Liana Jabs.





Edital 0015/2015 Matrículas

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO  E ESPORTES
EDITAL DE MATRÍCULA Nº 008/2015


Dispõe sobre as diretrizes para matrícula na Educação Infantil e Ensino Fundamental nas  Escolas da Rede Pública Municipal de Ensino para o  ano letivo 2016
.

Cátia   Regina Marangoni Geremias ,Secretária Municipal de Educação e  Esporte de Trombudo Central, Santa Catarina, no uso de suas atribuições legal, torna público as diretrizes referente à matrícula para o ano letivo de 2015, na Educação Infantil (Creche e Pré -escola), no Ensino Fundamental (1º  ao 9º Ano  de acordo com a  legislação em vigor e o previsto neste Edital.)


1. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL
1.1. De acordo com o disposto na Constituição Federal de 1988; Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional  -LDB Nº 9.394/96; Leis Federais Nº 11.114/05 e Nº 11.274/06 que dispõe sobre a duração do ensino fundamental a partir dos 6 anos de idade; Lei nº 1221 de 10 de dezembro de 1999 do Sistema Municipal de Ensino; Resolução da Educação Infantil número 299, Resolução CNE/CEB Nº 01/2010, que define Diretrizes Operacionais para a implantação do Ensino Fundamental de 9 (nove) anos; Resolução do CME número 001/2013 que  dispõe  sobre o número de alunos por turmas no ensino fundamental  e infantil, Lei Nº 8069/90 que dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente ,  especialmente em seu artigo 53  parágrafo V   e outras legislações correlatas ficam estabelecidas as diretrizes de matrícula no ensino fundamental/ano letivo 2015

.